O QUE É REAÇÃO CRUZADA?

Por Dra. Carolina Rosadas

“O teste de Elisa que usamos para HTLV procura se tem anticorpos contra HTLV no sangue que estamos testando.

Os anticorpos são produzidos no nosso corpo para se ligarem em uma proteína específica (ou seja, uma parte do vírus HTLV).

Às vezes a pessoa não tem HTLV, mas ela tem anticorpos que se ligam em uma proteína q é parecida com a do vírus e por isso esse anticorpo acaba reagindo no teste e o resultado é falso positivo (Ela não tinha o vírus, tinha um anticorpo para uma proteína parecida).

Neste caso dizemos que ocorreu uma reação cruzada. Ou seja, o anticorpo que era para outra proteína acabou reagindo com a proteína do HTLV usada no teste diagnostico.

Como podem ocorrer reações cruzadas no teste de Elisa (e ele pode acabar dando um resultado falso positivo) é necessário fazer um teste confirmatório. O teste confirmatório mais usado é o Western Blot. No Western Blot são usadas várias proteínas diferentes do HTLV e para o paciente ser considerado positivo ele tem que ter anticorpo pra mais de uma proteína do vírus

O exame de PCR é um pouco diferente, pois ele procura o material genético do vírus q está na célula infectada.

Como o Western Blot precisa ter reatividade pra diferentes proteínas do vírus é muito improvável dar falso positivo o que pode ter é indeterminado quando tem só alguns anticorpos, mas não todos os suficientes para concluir o diagnostico.

Quando tem indeterminado uma boa saída é o PCR ou retestar depois de um tempo.”

P.S. em caso de dúvidas, enviar e-mail para contato@vitamore.com.br

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta